Hoje Amazônia - Portal de Notícias

Quinta-feira, 18 de Julho de 2024

Geral

Mulher que decepou 'órgão' do marido tem visita íntima com ele proibida

Direção da Penitenciária Feminina de Mogi Guaçu, em São Paulo, negou colocar o nome do homem na lista de visitas da ex-esposa

Hoje Amazônia
Por Hoje Amazônia
Mulher que decepou 'órgão' do marido tem visita íntima com ele proibida
Foto: Reprodução
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

A direção da Penitenciária Feminina de Mogi Guaçu, em São Paulo, negou colocar o nome do frentista Gilberto Nogueira de Oliveira, de 39 anos, na lista de visitas da ex-esposa, Daiane dos Santos Farias, 34, que está presa desde dezembro passado por cortar o órgão íntimo do companheiro com uma navalha. A informação é do jornal O Globo.

Em abril, ele já tinha adiantado ao jornal que trocou cartas com Daiane e disse que a 'perdoou completamente' e está disposto a retomar o casamento. Por isso, enviou um e-mail para a Penitenciária pedindo para ter visita íntima com ela. Por meio de sua advogada, a detenta também afirmou que gostaria de ter encontros com Gilberto.

"O seu nome não foi aceito para ser incluído no rol de visitas da reeducanda Daiane, pois o senhor foi vítima do delito pelo qual ela se encontra recolhida", escreveu Márcio Alexandre Moreno, diretor do Centro de Segurança e Disciplina da Penitenciária de Mogi Guaçu, na última semana. Ele também sugeriu que Gilberto consiga uma autorização judicial para ter encontros com a ex-esposa.

Leia Também:

Daiane está presa na Penitenciária Feminina de Mogi Guaçu. Em seu julgamento, ela saiu com uma pena por lesão corporal grave, condenada a quatro anos de prisão. Na cadeia, ela já conseguiu um emprego na cozinha, o que ameniza o seu tempo presa. Com isso, a previsão é de que ela tenha uma primeira saída em março de 2025.

Relembre o caso

Na madrugada de 22 de dezembro de 2023, Daiane cortou, tirou foto e jogou na privada o 'órgão' do marido. O caso aconteceu em Atibaia, em São Paulo. O motivo foi vingança por uma traição de Gilberto. A própria mulher foi à delegacia para confessar o crime.

"Boa noite moço, eu vim me apresentar, porque eu acabei de cortar o pênis do meu marido", disse a mulher, ao se apresentar na delegacia com o irmão, segundo transcrito no boletim de ocorrência.

A mulher contou à polícia que decidiu arrancar o órgão sexual do marido depois de descobrir que ele a havia traído com uma sobrinha, uma adolescente de 15 anos.

Em detalhes, a mulher disse ter excitado o marido e durante o ato íntimo, amarrou as mãos dele com uma calcinha. Em seguida, cortou o órgão, tirou foto e jogou no vaso sanitário, puxando a descarga. Esse último gesto não foi à toa: segundo relatou, ela tinha ouvido falar que era possível "reimplantar" o órgão.

Na época, Gilberto contratou uma advogada para atuar como assistente de acusação e ajudar a condenar a ex-mulher. No entanto, quatro meses depois, ele resolveu perdoá-la e deseja reatar com Daiane.

Comentários:

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!