www.hojeamazonia.com.br

OPÇÕES
Logo
Sábado, 02 de julho de 2022

Policial

VÍDEO: Homem que foi filmado tentando matar enfermeira a facadas no meio da rua é indiciado pela polícia

Eliomar Alves Gomes foi indiciado por tentativa de homicídio triplamente qualificado

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Em entrevista coletiva concedida na manhã de ontem (quarta-feira, 15), o delegado Núbio Lopes de Oliveira, titular da Delegacia de Homicídios de Vilhena, acompanhando pela equipe de investigadores, anunciou o indiciamento do homem que, em fevereiro deste ano, esfaqueou a ex-namorada em plena luz do dia em uma avenida movimentada de Vilhena.

Eliosmar Alves Gomes, que é conhecido como “Gaguinho” e tem 46 anos, não se conformava com o fim do relacionamento que teve com a vítima, a enfermeira Josilene dos Santos Pedroso, 37, que durou cerca de três meses.

De acordo com o delegado, a enfermeira já havia sido alertada de que Eliosmar era “problemático”, e ao conhecer seus hábitos de consumo de bebidas alcoólica e drogas ilícitas por ele, tratou de, acertadamente, colocar um fim no relacionamento.

Mas, Eliosmar não aceitava o término do namoro e continuava persistindo. Naquele dia, uma quinta-feira17 de fevereiro, por volta da 13h30, Josilene estava indo almoçar, e pedalava pela avenida Curitiba, quando Eliomar, que também estava de bicicleta, a acompanhou e, sem muita conversa, a atacou com uma faca. Após receber alguns golpes, Josilene caiu e Eliomar continuou golpeando e depois fugiu.

Relembre:

A jovem sofreu várias perfurações cortes. O mais grave atingiu o pulmão e exigiu que ela passasse por uma cirurgia. Apesar da gravidade dos golpes, Josilene sobreviveu. Uma câmera próxima ao local do ataque filmou toda a ação do agressor e, cinco dias após o crime, a Polícia Civil pediu a prisão de Eliomar e divulgou fotos dele

Cerca de 40 dias após o crime, o acusado de tentar matar ex-namorada se apresentou à polícia acompanhado por um advogado e disse que somente iria se manifestar em juízo.

Eliomar Alves Gomes foi indiciado por tentativa de homicídio triplamente qualificado por torpeza, recurso que impossibilitou a defesa da vítima, e em razão do sexo feminino (feminicídio).

Fonte/Créditos: Folhadosul

Comentários: